Os dez Mandamentos - Uri segue Ramsés , abandona a família e morre

Uri (Rafael Sardão) pagará caro por sua teimosia nos próximos capítulos de Os Dez Mandamentos, novela bíblica que a Rede Record exibirá até o dia 20 de novembro - uma semana depois do que fora anunciado anteriormente - fazendo dobradinha com outro produto da casa durante esse período de espichamento. O joalheiro irá revelar para Ikeni (Victor Pecoraro) que a única forma dele salvar o próprio filho, Pepy (Íttalo Paixão), será marcando a porta do palácio com o sangue de um cordeiro, o que afrontaria o rei e os deuses egípcios.
Ramsés (Sérgio Marone) descobrirá que Ikeni escondeu a informação dele para não ter que confiscar os cordeiros de Moisés (Guilherme Winter) e o oficial do exército egípcio será preso por traição ao reino. Desesperado, Simut (Renato Livera) irá abandonar as crenças egípcias, levando Pepy e Karoma (Roberta Santiago) consigo para a vila dos hebreus. Atordoado, Uri dirá para Gahiji (Fernando Sampaio) e Chibale (Júlio Oliveira) que irá fugir com os dois, que também seguirão os passos de Simut, Pepy e Karoma na companhia de Radina (Aisha Jambo).
Só que Ramsés irá manipular Uri para que o joalheiro permaneça ao seu lado, prometendo trazer Leila (Juliana Didone), Hur (Floriano Peixoto) e Bezalel (Igor Cosso) de volta ao palácio. Ingênuo, Uri prometerá lealdade ao reino e se recusará a partir para a vila dos hebreus, mesmo diante da insistência de Gahiji e da aflição da sua família do lado de fora do palácio.
No horário anunciado por Moisés, o 'anjo da morte' irá passar pelo Egito, levando alguns personagens para o mundo dos mortos, como Deus havia prometido. Além de Amenhotep (José Victor Pires), o próprio Uri acabará morrendo na décima praga do Egito, ou seja, a morte dos primogênitos, por conta da sua teimosia.
Caso o argumento da trama siga o final que havia sido planejado, Leila acabará se envolvendo com Gahiji algum tempo depois da abertura do mar vermelho, antes da chegada dos escravos libertados à Canaã, a terra prometida.

Nenhum comentário